Por que os gatos “gritam” durante o acasalamento?


Quem já esteve perto de um casal de gatos em cópula sabe a gritaria que eles fazem! Os miados começam logo que a gata entra no cio. Nessa época, para chamar atenção dos machos, elas começam a emitir um miado característico e ele, muitas vezes responde com um miado e assim começa a corte.

Mas a gritaria é mesmo evidente durante a cópula que geralmente é muito dolorida para as fêmeas. Poucas pessoas sabem, mas os machos que não foram castrados possuem o pênis espinhoso. Isso mesmo, os gatos machos tem o pênis cheio de pequenos espinhos queratinizados. A função dos tais espinhos não parece muito clara, mas alguns especialistas acreditam que servem para estimular a ovulação, pois as gatas só ovulam após excitação genital. Assim, os espinhos desempenham um papel importante na garantia da fecundação. Outra teoria é que eles também servem para evitar que o pênis deslize para fora da vagina durante o ato sexual.

Quando o macho é castrado cedo, os espinhos não se desenvolvem ou reduzem muito a ponto de não serem perceptíveis. Isso tem uma explicação: os espinhos penianos se formam em resposta a um estímulo hormonal. Uma vez castrado, os níveis hormonais do macho caem tanto que não podem mais atuar no desenvolvimento dos espinhos.


A primeira imagem mostra o pênis de um gato que não foi castrado e a segunda mostra o pênis de um gato que foi castrado e por isso não apresenta os espinhos.


Mais um detalhe do pênis espinhoso!

Fontes: [ Diário de Biologia/Foothills Animal Hospital ]
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »